terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Festival Blumenau Gastronômico: Ingredientes




Restaurantes valorizam culinária local na elaboração dos pratos

BLUMENAU (SC) – A valorização do produto local é um dos principais atrativos do 5º Festival Blumenau Gastronômico. Os estabelecimentos inscritos foram estimulados a utilizar ingredientes típicos da região para compor as receitas inscritas. Chucrute, raiz forte, bockwurst e cerveja rauch weiss são comuns na culinária do Vale do Itajaí, mas outras regiões do Estado e do país não estão habituadas a encontrar essas palavras em um cardápio. Criamos o glossário do Festival pra que você conheça um pouco mais sobre os sabores que enriquecem a gastronomia blumenauense.

Queijos

Queijo fundido: este tipo de queijo surgiu dos esforços de alemães e suíços para encontrar uma forma de exportar o produto para países de clima quente. Trata-se de uma mistura balanceada de diversos tipos de queijos, adicionados ou não de água, manteiga ou creme, além de saborizantes que permitem que sejam oferecidos em várias versões, como ervas finas, tomate seco e páprica. A versão cremosa do produto é utilizada nas receitas do Blumenau Gastronômico.

Blue cheese: diferentemente da versão fundida, os queijos azuis têm a massa macia e quebradiça, permeada por veios azulados que dão uma característica peculiar ao produto, que conta com um processo de produção mais elaborado. Os veios azuis são resultado da injeção de culturas de Penicillium, que também deixa o sabor destes queijos mais marcante.

Vegetais

Chucrute: típico da culinária alemã, o chucrute é uma conserva de repolho fermentado. Há diversas formas de prepará-lo, mas a receita mais tradicional utiliza apenas repolho, água e sal. Outras mais elaboradas podem utilizar vinho branco, farinha de trigo, creme ácido, gengibre ou cravo-da-índia alcaravia. Trata-se de um alimento rico em vitamina C, por conservar os nutrientes do repolho.

Raiz forte: mais do que acentuar o sabor dos pratos, este ingrediente faz bem pra saúde. Ela é fonte de potássio, cálcio, magnésio e fósforo. Comumente vendida em conserva, a raiz forte pode ser consumida em sua forma natural ou misturada à manteiga, creme de leite, vinagre e molhos. Ela é utilizada para temperar cozidos de carne, verduras, chucrute, além de ovos, omeletes e até mesmo preparando vinagres aromáticos, molhos, presuntos e embutidos.

Cervejas

Rauch Weiss: esta cerveja de trigo defumado apresenta a coloração clara e turva. Produzida de forma artesanal, a bebida não passa pelo processo de filtração. Apresenta sabor refrescante e baixo amargor.

Imperial Stout: tem como característica sabores do malte escuro, que pode variar de chocolate até notas de torrefação. O perfil desta cerveja é levemente frutado, incluindo frutas escuras como uva, passas e ameixa. Recebeu este nome por se tratar de uma cerveja encomendada pela Corte Imperial Russa aos ingleses para que pudesse suportar a travessia do mar Báltico no século XVIII.

Weizenbock: com alto teor alcoólico, esta cerveja possui corpo intenso, notas de torrefação e aroma frutado. É escura e feita de trigo.

Pale Ale: de cor âmbar acobreada, a Pale Ale tem um aroma que remete a tons cítricos, notas frutadas e leve dulçor. Os três tipos de lúpulo trazem amargor e final seco. O malte confere nuances de caramelo.

Salsichas e linguiças

Bockwurst: oriunda da culinária alemã, esta salsicha é fabricada com diversos tipos de carne picada, como porco, peru e frango, e temperada com sal, pimenta branca e páprica. Por ser defumada, ganha um tom alaranjado. Costuma ser servida com mostarda quente.

Bratwurst: esta salsicha é composta por carnes de porco, vaca e, às vezes, vitela. Em alemão antigo, a palavra brät-, significa carne cortada em pedaços pequenos. Normalmente são grelhadas, mas também são cozidas num caldo.

Blumenauwurst: mais conhecida como “Linguiça Blumenau”, este produto é feito somente com pernil e paleta suínos, toucinho, previamente selecionado. O processo de defumação é artesanal.

5º Festival Blumenau Gastronômico 
www.blumenaugastronomico.com.br
Entre os dias 14 de janeiro e 16 de fevereiro
Mais informações: vendas@blumenaugastronomico.com.br



Fonte: Oficina das palavras 

Nenhum comentário:

TESTE

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...